Aumenta número de mulheres inadimplentes

O número de famílias que tem a mulher como principal referência financeira está em constante crescimento. Segundo dados do IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, entre 1996 e 2006, houve um crescimento de 79% das mulheres, contra apenas 25%, no aumento de homens como chefes de família, nos mesmos dez anos.

Com a responsabilidade de liderar a casa, as mulheres acabam trabalhando fora e dentro de casa e ainda, herdando as contas do mês. Como conseqüência de toda essa responsabilidade, são as mulheres que lideram o ranking de inadimplência, com 52,51%, entre os meses de julho e agosto, segundo pesquisa da TeleCheque.

Os consumidores estão mais atentos para não entrarem em dívidas, mas o descontrole financeiro (63,52%) ainda é o grande vilão dos brasileiros. Além do descontrole financeiro, outros motivos causam o endividamento. Entre eles, destacam-se os empréstimos de nome (8,64%) e os que ficaram desempregados (4,51%).


Fonte: Por Fernanda Lima, in www.consumidormoderno.com.br
0