Será mesmo a propaganda, o pior da TV?

"Tem telespectador que é cego." Não no aspecto de deficiência visual. Tenho amigos deficientes visuais que enxergam muito mais do que certos telespectadores, aos quais atribuo aquele tipo de cegueira e miopia, termos aqui usados para definir quem não é capaz de distinguir a mediocridade em que está envolvido. "Apontar a publicidade como o maior problema na TV", é no minimo uma irrefutável demonstração de incompetência, ou até, pra não dizer burrice e, sendo bonzinho, falta de capacidade de avaliação de muita coisa produzida e importada pela televisão em termos de conteúdo.

Tem programas policialescos e filmes como aquela série do Chaves por exemplo, tem certas novelas importadas não sei e nem quero saber de onde, tem também novelas produzidas aqui mesmo, por emissoras que não sabem fazer esse tipo de trabalho, que chegam a provocar náuseas até no mais nauseabundo dos nausebundos.

Certos programas ao vivo, então, são o que existe de pior e mais destrutivo para a cultura e educação do nosso povo. Vendo TV, a qualquer hora do dia e da noite, o telespectador abre a porta de sua casa e de sua cabeça para um exacerbado religiosismo que nada tem a ver com o verdadeiro sentido de religião. Apresentadores de certos programas, usando o nome de Deus em vão, fazem tudo para disseminar a ignorância, forçando sua vitima, o telespctador a engulir um monte de promessas estapafúrdias e invencionices, como verdades universais e absolutas.

E ainda tem gente, que tem a desfaçatez de apontar a propaganda como o pior da televisão.

Essas pessoas deveriam observar o que estão fazendo certos canais, como no caso da menina Isabella assassinada, até agora ninguém sabe por quem. É um verdadeiro show de morbidez repetida à exaustão, porque imagino, deve existir uma massa imensa na plebe ignara que goste do assunto. Eu até acredito que exista sim, essa massa de telespectadores, que passam dia e noite plugados na TV a espera da última notícia sobre quem matou a criança, para fazer o que, com essa informação, ninguém sabe, principalmente essas pessoas, que também não percebem que a programação, desses canais, quer na verdade é que a noticia esclarecedora leve muito mais tempo para aparecer, porque com isso os picos de audiência são maiores.

Em quantidade de audiência, elas até poderão conseguir algumas vitorias, esporádicas, ou no tempo de duração da morbidez, mas sem um minimo de qualidade, verdadeiras vitorias de Pirro. Será que aqueles que condenam a propaganda na TV, têm consciência de que, se não fosse a propaganda, a TV não seria o que é? Não sabem, porque sua miopia embota a sua capacidadede discernir a respeito de verdades universais com essa.

Só que, meus amigos, agora falando de publicitário para publicitários que acredito, formam a maioria dos leitores deste espaço, eu pergunto: Será que esse tipo de audiência vale alguma coisa? Será mesmo a propaganda, o pior da TV?


Fonte: Por Humberto Mendes, in www.adnews.com.br
0